Quais livros todo empreendedor deve ler?

Por Renata Sagradi - 31 Oct 2019, 08:30
Quais livros todo empreendedor deve ler?

Na ACE, aprendizado é coisa séria – e também um dos assuntos mais comentados nos corredores. Gostamos de compartilhar conhecimento e, principalmente, quais os livros estão na nossa lista de próximas leituras. No episódio, Pedro Waengertner e seus convidados, Arthur Garutti e LG Lima, dividem uma lista de títulos clássicos, básicos, técnicos e até filosóficos para inspirar, instruir e desenvolver empreendedores.

Abaixo, confira a lista de todos (mesmo) os livros citados no episódio.

A Startup Enxuta, Eric Ries – O precursor do movimento lean, e essencial para todos que querem montar uma startup aplicando o conceito build-measure-learn, o framework de experimentação para redução de incertezas. 

Startup: Manual do Empreendedor, do Steve Blank – “É um livro de consulta. Eu digo que ele é o Kotler das startups”, Arthur Garutti.

Business Model Generation, de Alexander Osterwalder. Não usamos o modelo na ACE. É conceito confuso, mas, do ponto de vista metodológico, inaugurou o conceito de canvas – e daí derivam-se também alguns modelos de workshop de post it.

A Estratégia do Oceano Azul, de W. Chan Kim – Para entender o mercado. De fato existem oportunidades reais ou muita gente já atua nesse segmento?

The Innovator’s Solution, de Clayton Christensen – Traz o Job to be done, conceito central para empreender com efetividade e entender a dor do cliente. Um clássico atemporal para levar pra vida.

Endurance, de Caroline Alexander – Conta a expedição de Shackleton à Antártida, quando ficou dois anos preso com sua expedição. Ele manteve todo mundo vivo em situações extremas, com conflitos entre as pessoas e sem nenhuma tecnologia. A lição é como manter a cabeça fria diante da diversidade, boa dica para empreendedor com analogias nada óbvias a comportamento e liderança.

A Revolução dos Bichos, de George Orwell – Escrito durante a segunda guerra mundial, debate o comportamento quando a questão é a ascensão ao poder. Usando bichos como figuras de linguagem, mostra a relação entre poder e opressão em um grupo. 

A Lei do Triunfo, de Napoleon Hill – Escrito na década de 20, a pedido do Barão do Aço, Adrew Carnegie, que gostaria de conhecer o padrão de comportamento que levava ao sucesso, tanto financeiro, quanto e empresarial. São 16 princípios básicos, mas destacamos: Mastermind (sinergia, soma do todo), Objetivo principal definido (foco, não faziam muitas coisas), Educação financeira (dar valor ao dinheiro), e, a regra de ouro, Empatia (fazer aos outros o que quer que façam com você).

Como Fazer Amigos e Influenciar Pessoas, de Dale Carnegie – Aborda principalmente como desenvolver habilidades de relacionamento, empatia e relação de orgulho e ego. Ajuda a entender a forma cada pessoa reagir. Ajuda no desenvolvimento como executivo. 

Extreme Ownership,  de Jocko Willinko – É muito utilizado como referência na liderança da ACE. Escrito por um navy seal durão, aborda os métodos de liderança que aprendeu no exército americano, e como lidar com altos riscos e stress. O que a liderança precisa fazer para as pessoas chegarem no objetivo? 

Antifrágil: Coisas que se beneficiam com o caos, de Nassim Nicholas Taleb – É bem denso. Ele tenta colocar provas de que pessoas anti frágeis se beneficiam do caos e do incerto, defendendo que o mundo é uma sucessão de eventos aleatórios. O autor divide a pessoas em três categorias: os frágeis, que quebram na primeira barreira, tem os resilientes que resistem às incertezas, e os anti frágeis, que são os que se beneficiam da dor. 

Os Quatro Compromissos, de Don Miguel Ruiz – Baseado na filosofia toulteca, e conta a história de um caipira que foi pra cidade e se tornou cirurgião, afastando todas as crenças auto limitantes. São quatro as lições principais: 1- seja impecável com a sua palavra; 2- não leve nada para o pessoal; 3- não tire conclusões precipitadas;  4- dê sempre o melhor de si. 

The War of Art, de Steven Pressfield – Como achar motivação para quebrar a resistência criada por nós mesmos. O autor cria um personagem – a resistência – que impede pessoas de seguir em frente com realizações.

O Discurso do Método, Renée Descartes – Clássico do famoso filósofo francês que questionava o que é a verdade, a pergunta básica da filosofia. Desenvolver a metodologia para entender o que era a verdade, de fato. Origem da citação “Penso, logo existo”. Pensamento, esse que molda o mundo e origem da evolução das ciências que conhecemos até hoje. 

O Banqueiro dos Pobres, de Peter Spiegel – Conta a história de Muhammad Yunus, que criou uma “fintech” em 1976, o Grameen Bank. Para isso, ele passou por uma espécie de processo de validação, ele criou um linha de microcrédito para mulheres carentes, chegando a uma taxa de pagamento de mais de 97%. Derrubando as expectativas da época.

The Art of Learning, de Josh Waitzkin – O autor começou a carreira como enxadrista e foi um dos campeões mais jovens em um campeonato mundial. Ele descobriu um método para aprender mais rápido e segue aplicando até hoje em diferentes áreas. 

A Arte da Guerra,  de Sun Tsu. – O livro é interessante também do ponto de vista do empreendedor, partindo do princípio de análise de concorrência/inimigos.  Traz ensinamentos de como analisar forças e fraquezas – conheça a seu inimigo e a si mesmo. 

High Output Management, de Andrew Grove – O ex-CEO da Intel coloca os princípios de gestão de maneira muito simples e direta. Seus ensinamentos são baseados no empirismo (de anos de anotações em caderninhos). 

O Lado Difícil das Situações Difíceis, de Ben Horowitz – O autor conta de um jeito auto depreciativo a trajetória empreendedora, com seus aprendizados, as aflições e, claro, o lado difícil do empreendedorismo. 

Sam Walton, Made in America – A biografia do fundador do Walmart, Sam Walton serve como bíblia ao princípio customer centric. Dizem que o Jeff Bezos, CEO da Amazon, andava com esse livro debaixo do braço. Ele implementou o conceito de sortimento de produtos como é hoje e era fissurado por métricas.

Por: Renata Sagradi

Posts relacionados

Assine a Growthaholics

E receba as melhores dicas para a sua empresa crescer.