Qual o perfil de um bom empreendedor?

Por Renata Sagradi - 14 Nov 2019, 07:16
Qual o perfil de um bom empreendedor?

Com a expertise de já ter acelerado 300 startups e investido em 114 delas, ganhamos com o tempo (e após analisar milhares de pitches) a habilidade de avaliar um bom empreendedor. Coisa que, na verdade, tem mais a ver com comportamento do que com a função que exerce profissionalmente. 

Dessa experiência, nasceu também uma análise do arquétipo empreendedor ACE, com cinco principais características. São elas:

  • Propósito: uma conexão afetiva com o problema que se dispôs a resolver. Não precisa ser uma sinalização de virtude, mas se manifesta como algo que move o desejo de sair da cama. O bom empreendedor direciona seu propósito para criar soluções de impacto, algo que o faça viver 24 horas por dia pensando sobre isso. Propósito é para o empreendedor, não para os outros.
  • Riscos Calculados: não é pegar um empréstimo no banco e não saber como pagar depois. Tem a ver com desafios moderados e planejamento, tendo consciência do desafio assumido. Assume o risco pra depois calcular o esforço.  Existe um mito de que o empreendedor é insano. Mas, na verdade, ele não assume riscos que vão além do razoável. Antes, eles fazem análises de risco e contas de como passar esses anos. Todos devem se perguntar: o que de mais catastrófico pode acontecer comigo se tudo der errado? A resposta é o máximo que puder suportar. 
  • Coachability: é ter a capacidade de agir rapidamente ao receber feedbacks e ser absolutamente resiliente. Saber receber uma crítica negativa e ainda assim seguir em frente.  O empreendedor tem que ter um mindset de crescimento e lidar com críticas muito bem. Além de ter a capacidade de ser maleável para alcançar o objetivo. 
  • Consciência: é usar o auto conhecimento em função de prever reações diante de situações estressantes. Além da capacidade ágil de se recuperar delas. O empreendedor deve ser consultor de si mesmo em situações difíceis.E também ter a capacidade de arquitetar planos de ação rápida, principalmente se a rota exigir uma adaptação de curso.  
  • Network estratégico: é saber usar a sua rede, muitas vezes mais focado no estratégico do que no afetivo. Isso não é fácil, principalmente para os introvertidos, característica constante nos empreendedores. Na ACE, estimulamos a formação desses relacionamentos através das nossas redes de mentores, empreendedores e investidores.

>> Leia também: Quais as principais características do perfil empreendedor?

>> Leia mais: No que empreendedores e intraempreendedores se parecem?

O Empreendedor Unicórnio

Há estudos que apontam que o perfil do empreendedor que funda um unicórnio é bastante estereotipado: estudou nas top universidades do país e fizeram MBA no exterior. Sim, pode ser. Mas isso não é o suficiente para de destacar.  

Acreditamos no acúmulo de experiências como fator de sucesso, pois ajuda a criar casca. Mas não é fator determinante. 

Ficou curioso para aprofundar o debate, ouça o episódio do podcast abaixo!

Por: Renata Sagradi

Posts relacionados

Assine a Growthaholics

E receba as melhores dicas para a sua empresa crescer.