Uma dos primeiros passos para criar uma startup de sucesso é identificar qual a dor do seu cliente. E qualquer um que tenha relacionamento com o setor financeiro sabe que há uma porção de dores neste mercado que ainda precisam ser tratadas. Não é por acaso que uma das grandes tendências do mundo das startups são as fintechs.

Basicamente, fintechs são startups que atuam no setor financeiro. Entre os exemplos, estão empresas de cartões, de empréstimos, de seguros, etc.

No Brasil, um dos casos mais bem sucedidos é a Nubank.

Ao redor do mundo, existe uma porção de exemplos. Segundo a consultoria CB Insights, os bancos americanos já aportaram mais de US$ 3,6 bilhões em startups financeiras.

Por que as fintechs estão crescendo

Existem uma série de motivos que fazem as fintechs se consolidarem como uma das principais tendências do mundo das startups.

O principal deles é que a cada vez maior capacidade de processamento de dados permite que as empresas com uma orientação fortemente tecnológica consigam apresentar soluções perfeitamente desenhada às necessidades dos consumidores.

Outro motivo é a insatisfação dos consumidores com muitas etapas da prestação de serviços financeiros. Para lidar com este aspeto, empresas com cultura de startup e altamente centradas na experiência do consumidor, conseguem se sobrepor aos competidores tradicionais.

Quero me inscrever para a aceleração

As fintechs no Brasil

Nos últimos anos, o Brasil viu uma explosão do mercado de fintechs.

Empresas como Nubank, GuiaBolso e Easy Crédito conquistaram milhares de usuários e entraram para a rotina de muitos brasileiros.

Uma reportagem recente no New York Times destacou o fato de o Brasil ser a sede de 230 das 703 fintechs latinoamericanas.

Na lista das 250 melhores fintechs do mundo, organizada pela CB Insights, 4 delas eram brasileiras.

Todo esse crescimento está relacionado ao potencial do mercado brasileiro. O Brasil tem uma imensa população desbancarizada e o acesso ao crédito é um dos grandes desafios do país.

Justamente problemas que as fintechs costumam se propor a resolver.

Desafios das fintechs no Brasil

Por mais que o mercado esteja crescendo e que haja muitas oportunidades, o mercado brasileiro ainda apresenta uma série de desafios para quem quer empreender com fintechs.

Uma das principais é a regulação, que ainda não prevê muitas das evoluções propostas, como os empréstimos P2P.

Wired Festival: FintechsFintechs no Wired Festival

Na sala Startups do Wired Festival, que teve curadoria da ACE, separamos um horário especial para discutir fintechs.

O debate teve a participação de Marcos Henrique, da Foxbit, e Marcos Tulio Ramos, da Easy Crédito, e está disponível online.

Aceleração para Fintechs

Um setor que tem tanta tendência de se fortalecer, com certeza está entre os focos da ACE.

As fintechs, aliás, tem um programa próprio desenvolvido pela ACE em parceria com o BMG, o BMG Digital Lab.

As startups do setor também podem se inscrever para o programa de aceleração ACE. Se sua empresa já tem um MVP e disputa um mercado gigante, não deixe de se inscrever em nosso programa de aceleração. Estamos selecionando para a última turma do ano!

Quero me inscrever para a aceleração


TAGS: , , , , , , , , , , , ,